quinta-feira, 26 de fevereiro de 2015

O QUE OS "WESTERLUND-LIMA" NOS CONTAM SOBRE A FAMÍLIA

TELL MI é um espaço dedicado para entrevistas a profissionais ligados a questões que se relacionem com os nossos minis ou a mães e pais que possam ser um exemplo inspirador para todos nós. É o caso da família "Westerlund-Lima", que com 4 filhos lindos conciliam as suas carreiras profissionais entre atividades, estudos, brincadeiras, orientação e educação. 

O Pedro Lima, esta prestes a lançar uma nova peça, a estrear em Abril e Anna Westerlund, autora de uma criatividade encantadoramente feminina, é a criadora de uma marca de cerâmica com o seu nome e vai lançar uma linha fantástica a pensar nos nossos minis. Anna, vamos ficar a aguardar ansiosas! :) Até lá, temos outras peças de perder a cabeça (já muitas esgotadas) em Anna Westerlund Ceramics.



Nome dos Minis: 
João Francisco, Emma, Mia e Max.

Outros agregados familiares (piquitos, cães, gatos): 
2 cães.

Que adjectivo dariam a cada um dos vossos filhos? 
João Francisco o atleta, Emma a aventureira, Mia a artista e Max o maior.

Quais os valores e princípios mais importantes que consideram para transmitir aos vossos filhos? 
Conseguirmos dar-lhes as ferramentas necessárias para serem adultos íntegros, que saibam respeitar-se a si e aos outros e que tenham um espirito solidário e atento ao mundo que os rodeia.

É normal, numa família com mais de um filho, que haja disputas entre irmãos pela atenção dos pais. O que aconselham para que prevaleça a harmonia? 
É importante e automático numa família numerosa que se perceba o quanto é bom partilhar mas também é fundamental encontrar pequenos momentos que são de cada um, por exemplo na hora de deitar conversar um bocadinho com cada um sobre o que foi importante no seu dia, etc. É um momento em que cada um deles tem a mãe só para si.




Consideram o desporto importante para as crianças? A partir de que idade? Que modalidades? 
Os nossos filhos fazem desporto desde cedo, com 3 meses estavam todos na natação. Cada desporto tem a sua idade própria mas para nós é importante que façam desporto, actividades ao ar livre desde cedo. Porque é saudável para o corpo e para a mente e uma importante forma de convívio.

Qual a importância que tem para as crianças crescerem com animais? 
Nós temos 2 cães e são eles que tratam deles, dão comida, banho, essas coisas e nesse sentido os cães são grandes companheiros de brincadeiras como também lhes dão um grande sentido de responsabilidade e de que mais do que ter, o importante é cuidar.

Os dois trabalham , têm vida social e além disso o Pedro ainda é um surfer adicct, qual o segredo para fazer tudo isso e ainda gerir uma casa, 3 crianças pequenas, um adolescente, mais dois cães?
Consideram as rotinas importantes? Como é a vossa rotina com as crianças? 
As rotinas fundamentais existem durante a semana e aí somos bastante rigorosos, ao fim-de-semana tentamos encontrar tempo para fazermos vários programas para que todos fiquem satisfeitos. Os fins-de-semana são a loucura! :-)

Qual o segredo para gerirem o vosso tempo entre tanto que fazer? 
Não há segredo, é uma batalha, o tempo passa a correr, mas exige bastante organização mas também um grande espírito de improviso e muita descontração.

Quando o primeiro bebé nasce, tudo é novidade. Que conselho dariam a um pai e uma mãe que acabaram de ter o seu primeiro filho? 
Pedro- Para aproveitarem cada momento porque o tempo passa demasiado rápido
Anna- Para não levarem tudo demasiado a sério, as crianças só precisam de amor e muito mimo o resto vai-se gerindo naturalmente.


Qual os fatores com mais importância na escolha de uma escola? 
Uma escola que se preocupe com cada aluno individualmente, no sentido em que mais do que resultados esteja primeiro preocupada em ter alunos seguros, criativos, com uma forte auto-estima e conscientes de si e do que os rodeia.

Quais as marcas de roupa que gostam mais para menina e menino? Alguma sueca? 
Temos um fraquinho pela Pepe Jeans pois a roupa é divertida e colorida. 

Quem é que escolhe o que os minis vestem? 
Qualquer um dos dois, mas eles, até o Max, já escolhem a roupa sozinhos embora nos possam pedir a opinião. Acho que é importante terem essa liberdade, não deixa de ser uma forma de eles expressarem a sua personalidade.

O sono é um dos grandes desafios para quem tem um bebé. Os vossos minis deram boas noites de sono? Tem algumas dicas para partilhar? 
Na verdade só a Mia é que foi mais complicada com os sonos e sem dúvida que pode ser uma dura batalha. No meu caso nunca cedi deixando que eles dormissem na cama dos pais e hoje em dia todos dormem lindamente nos seus quartos. Não tenho grandes dicas para partilhar é pensarmos que não vai ser assim para sempre :-).



Existe uma mistura de nacionalidades aí em casa. Como gerem a questão de duas diferentes línguas? E a cozinha, as crianças gostam mais da portuguesa, sueca ou outra? 
Eu quando estou sozinha com eles tento falar em sueco apesar de eles pedirem para eu falar em português. Nós cozinhamos coisas muito diferentes cá em casa, por isso eles gostam em geral de tudo e de experimentar coisas novas.

A televisão, os gadgets, são um big issue hoje entre as famílias. Ver ou não ver, deixar ou não deixar. O que aconselham? Deixam os vossos Minis verem o trabalho do pai na televisão? 
É sem dúvida o grande desafio de hoje. Já desisti da ideia de proibir, acho que não vale a pena, mas tentamos que seja moderado e com regras. E passamos a ideia de que há coisas muito mais divertidas para fazer e eles sabem isso. Pode acontecer verem mas não é uma coisa estimulada por nós.

Como descrevem a expressão “pais cool”? 
Acho que se aplica aos pais que não se esquecem que são também pessoas para além de serem pais e que os filhos não são nossos, mas sim pessoas que vêm ao mundo através de nós.

Qual a vossa opinião sobre este novo blog dos Mini-Mi? 
É divertido e muito inspirador cheio de dicas práticas e irrestiveis. E eu pessoalmente tenho um fraquinho por mães com muita pinta :-).

Obrigada Anna e Pedro!
Continuem assim, uma inspiração para todos nós :).





Sem comentários:

Enviar um comentário