sexta-feira, 21 de abril de 2017

ROOM SNEAK PEEK @RITA TOJAL QUINTELA


 A Rita Tojal Quintela é a talentosa fotografa da CV Love.
Conheci-a logo no início do blog e fiquei encantada com os ângulos e a luz das fotografias.
É mãe do Lourenço (Lou), e hoje partilha aqui algumas dicas que usou para decorar o quarto do seu mini. 
O quarto tem mistura de elementos modernos e vintage onde predomina a cor branca.
Um quarto com uma decoração transversal, com várias ideias e inspirações,
 para as mães de meninas ou de meninos.













Para conhecermos um pouco mais de ti, conta-nos como escolheste a profissão de fotografa?
RTQ - A minha vida profissional não começou como fotografa, formei-me e trabalhei durante alguns anos como Engenheira do Ambiente, mas a paixão como fotografa tenho desde de miúda, muito despertada pelos meus pais que adoram fotografia e que me fotografavam imenso em criança. Desde sempre, andava com uma câmara comigo. Aliás, dos meus amigos de infância, eu sou o banco de imagens das festa de aniversário, passeios, etc. Quando me casei há cerca de 7 anos, recebi a minha primeira câmara reflex e aí, resolvi inscrever-me num curso profissional de fotografia de 1 ano para apreender um pouco mais. Pouco a pouco, vi que não conseguia viver sem fotografar, sem captar momentos tão mágicos.

Qual a idade do Lourenço neste momento? 
RTQ - Tem agora 15 meses.

Começaste a decorar o quarto antes ou depois do nascimento? 
RTQ - Foi um bocadinho antes e um bocadinho depois.

Quais foram os elementos de inspiração para este quarto de menino? 
RTQ - Comecei a pensar nas cores que gostava e em elementos-chave que podia ter.

Como é que começou o processo de decoração?
RTQ - Tudo começou com ideias para a cama dele, queria algo diferente mas que, ao mesmo tempo, fosse bonito e prático.

A cama de grades realmente é muito tão gira. É possível partilhares de onde é?
RTQ - A cama foi mandada fazer por medida à Polígono.

Quais foram os passos para o processo de decoração? 
RTQ - Pelos elementos maiores, cama, cómoda e armário e depois fui aos pormenores, buscar pequenos apontamentos de cor e ter o lado prático e bonito.

O que consideras fundamental para facilitar a arrumação num quarto de crianças?
RTQ - Eu gosto de ter grandes gavetas. No quarto do Lourenço pensámos numa gaveta para brinquedos que pode ser levada para outras divisões da casa, pensámos na mobilidade e onde, ao final do dia, arrumamos tudo de uma forma simples.

E para rentabilizar o espaço, existe algum conselho em especial?
RTQ - Este quarto não tem muda fraldas, por exemplo, achámos que era mais um móvel e completamente desnecessário. Criámos, em cima da cómoda, um espaço para isso.

Qual é o aspeto, de forma geral, que mais gostas neste quarto?
RTQ - É um quarto luminosos e muito acolhedor.

Quais as marcas de decoração que preferes e aconselhas?
RTQ - Adoro as Mãos de Tesoura, que tanto contribuiu para os pormenores deste quarto, a Homes in Heaven, Caramello Store e Zara Home. 

Qual a idade que te parece mais adequada para mudar da cama de grades para cama de solteiro?
RTQ - Acho que partir dos 2 anos/2 anos e meio. A cama de grades dele é maior que o normal e pode ficar sem grades e posta ao nível do chão, por isso acredito que pelo menos até aos 2 anos e meio possa lá dormir.

Que dicas dás a uma mãe que está a decorar o quarto do seu mini pela primeira vez? 
RTQ - Pensar que o bebé vai crescer e o quarto vai crescer com ele, e apostar em peças que possam ser evolutivas. 

O Blog Mini-Mi é… uma inspiração.


Obrigada Rita, pelas fotografias lindas, pela partilha de ideias e por esta mini tour ao quarto do Lou!




6 comentários:

  1. Olá Andréa, não conhecia e adorei. Este quarto está um mimo. Existe muito pouco conteúdo sobre este tema cá em Portugal. Geralmente vou ao Pinterest mas depois nem sempre sei onde encontrar as peças que mais gostei. Parabéns!

    ResponderEliminar
  2. Um quarto que percebe-se não ser muito grande e que está um amor. Como a Andréa costuma dizer o menos é mais.

    ResponderEliminar
  3. Gostei da cómoda e de alguns elementos, mas foram misturados estilos demasiados distintos que não ficam mal juntos, mas é preciso serem bem conjugados. Penso que a cama, o papel de parede e os quadros são demasiados distintos da cómoda, armário, vitrine e afins. E com um nome tão bonito, para quê inventar e chamar "Lou"? Lourenço é tão melhor...

    ResponderEliminar
  4. Tem ideia de onde é a cabeça de rena que está na parede?

    ResponderEliminar
  5. Quarto lindo de morrer! Adorei! Adoro o trabalho da Rita é uma querida!

    ResponderEliminar